segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Metamorfosicamente Falando

Eu vivo na metamorfose. Física e mental. Nunca sou o que fui ontem, e com certeza, amanhã não serei o que fui hoje. Um ano eu gostava de ficar parada, quieta, no outro eu não suportava o fato de não me mexer. Daqui há algumas horas pode ser que eu não goste mais daquela banda tão amada, ou talvez eu goste mais ainda. Todos vivem na metamorfose. Podemos mudar muito, ou pouco. Ninguém dita isso, tampouco nos obrigam. Mudamos naturalmente. É a regra. As exceções vivem por ai, com a mesma cara, com a mesma alma. Desinteressantes. É o que eu acho delas. Talvez essa mudança constante de vida é o que nos atrai. Queremos sempre saber o que vem depois, o que vai acontecer. Se vamos gostar da mesma pessoa, ou se o descaso da paixão irá cessar. Sinto repugnância do 'ficar'. Eu gosto mais é do 'ir'. Sou intensa. Sou constantemente inconstante. Mas como vivo na metamorfose, amanhã eu posso não ser. Hoje sou lagarta, outro dia borboleta. Sempre crescendo, sempre evoluindo.

Texto: Mariana S. Cardoso.


"Eu quero dizer agora, o oposto do que eu disse antes. Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo" Raul Seixas










domingo, 22 de novembro de 2009

Palavras ao vento

Queria escrever algo profundo nesse caderno amarelado pelo tempo, mas a inspiração não vem. A mente bloqueia as palavras que embriagam, que emocionam. É como se um furacão passasse pela nossa cabeça e estraçalhasse todas as ideias. Sei que elas voltam. Palavras vão e depois retornam. Mas existem palavras que não deixam nossa mente. Elas ficam. Torturam, iludem. Ou não. Fazem sorrir, nos alegram. Palavras não são só palavras. São significativas. Elas têm grande poder. Melancólicos são aqueles que não sabem utilizá-las beneficamente.
Palavras não valem mais do que um gesto, mas têm grande valor perante o mundo.


Texto: Mariana Cardoso.

"E quando me faltar as palavras que as músicas digam tudo o que ficou por dizer. - Autor Desconhecido"



Gente :D só um recadinho, agora dá pra comentar ali em baixo ok? Não precisa ser na C-box, porque eu to perdendo muito comentário por não saberem que na C-box que meus comentários ficam haha. Mas obrigada :* espero que gostem desse texto.





sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Where Do I Go ?


As vezes eu fico pensando que direção tomar. As escolhas são tantas que chegam a confundir. Sei que posso ser tudo, mas também posso não ser nada... Tudo depende das minhas escolhas. Posso decidir me dedicar totalmente ao meu trabalho, perdendo o segundo em que aquele sorriso aconteceu ou qualquer outro daqueles pequenos gestos que acontecem tão rápido que se piscarmos, perdemos. Posso decidir jogar tudo pro alto e ver o mundo, sem responsabilidades, sem peso nos ombros ou na consciência, vivendo só de amor e aventura, deixando de lado a parte que me faz amadurecer e a parte que eu sei que temos que crescer com a consciência de que amor e aventura não enchem uma barriga e não pagam as contas. Posso escolher ir pelo caminho do dinheiro, vivendo da ganância. Mas sei que não conseguiria, desprezo demais a ganância para viver dela. Tenho milhares de opções. Umas mais tentadoras que outras. Por mais que eu fique pensando que caminho tomar, acho que já encontrei o meu. Acho que vou pelo caminho certo. Não digo que vai ser fácil. Não digo que ele vai ser sempre bonito, mas se eu me arriscar, se eu tentar, sei que vai valer a pena. O caminho que eu sempre quis tomar... O caminho dos meus sonhos.

Texto: Mariana S. Cardoso.

"Eu não sei o que quero ser, mas sei muito bem o que não quero me tornar." - Friedrich Nietzsche



(resources: Just Lia, Imagem: Marii85)

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Guerreiros ainda existem

Não é mágico saber que entre mais de um milhão de galáxias, nós tivemos a chance de existir? Não é bonito que com todo o sofrimento de algumas almas, elas ainda deixam-se emocionar com um sorriso de criança ou uma doce melodia? Eu acho impressionante o fato de que com toda a diversidade de pessoas no mundo, temos a chance de encontrar alguém que nos faça se sentir únicos. Apesar de toda crítica a cultura, aos livros, ao humor, música, estilo, religião ou qualquer outra diferença entre os gostos, os inteligentes sabem que muita boca por aí serve para passar batom e botar piercing, mas não para falar algo relevante. Apesar de toda essa guerra, de todas as perdas, de toda indiferença, os sonhadores sabem que existem ainda os que praticam a paz, os que enxergam que também podem ganhar, e os que realmente se importam. Eu acho fascinante as pessoas que chegaram ao fundo do poço, tiraram a força de vontade da menos ou maior coisa que acharam e conseguiram dar a volta por cima mostrando que o mundo só dá voltas para aqueles que não estão sentados esperando a sorte bater na porta ao invés de procurar por ela. Não é gratificante saber que com toda descrença do mundo, existem pequenos grupos tentando convencer, incansavelmente, toda uma sociedade de que se acreditarmos no nosso potencial de fazer acontecer, seremos forte o bastante para passar pelas dificuldades de cabeça erguida? Claro que é. É bom saber que mesmo quando a maioria diz não ainda existem os que lutam pelo sim.

Texto: Mariana S. Cardoso.




domingo, 11 de outubro de 2009

We Are Young !

Temos ainda uma vida inteira pela frente. Somos apenas seres em construção, ainda não caímos no mundo. Vivemos com pressa do amanhã, mas se sempre pensarmos no amanhã, ele nunca chega. Se sempre pensarmos no depois, é uma vida inteira desperdiçada porque chega uma hora que não tem um depois. Durante a vida vamos aprendendo com cada situação que passamos. Aprendemos com cada experiência vivenciada ou contada. Passando pelos obstáculos com a cabeça erguida e se alguma pedra nos faz tropeçar e cair, temos que criar coragem e força para levantar. Nunca com a consciência de que vamos sempre ganhar, mas sabendo que uma hora para outra podemos perder. Enfrentando cada infelicidade, cada dor, cada mal que infelizmente sabemos que vamos encontrar. Somos jovens. Temos gargalhadas demais ainda para dar, lágrimas para chorar. Ainda temos tempo demais para conhecer gente nova e telefonar para os antigos amigos. Ainda vamos nos surpreender com declarações de amores inesquecíveis. Vamos viajar o mundo, e até conquistá-lo. Com o mesmo otimismo e valentia que temos hoje. Não deixaremos nossos sonhos se transformarem em desistências. E quando tudo der errado, ainda vamos poder recomeçar, tudo de novo. Mudando ou não, casando ou não, essas regras não existem. Só não podemos ficar parados porque o tempo só é amigo daquele que não o desperdiça. Vamos quebrar as regras e fazer acontecer porque não há beleza maior do que ver sua vida passar como um filme e ter certeza de que cada luta, pequena ou grande, valeu a pena.

Texto de :Mariana S. Cardoso.




"Só no fim da vida percebe que os planos que fez são só planos, pois no final, quando olha pra trás ao invez de para frente, você quer acreditar que fez o máximo com o que a vida te deu. Quer acreditar que está deixando algo de bom para trás. Você quer que tudo tenha sido importante." - OneTreeHill. 5x15. Life Is Short













quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Just Move On

"Garotas aprendem muitas coisas crescendo. Se um cara lhe soca, ele gosta de você. Nunca tente se auto proibir. E um dia, encontrará um cara maravilhoso e terá um final feliz. Todo filme que vemos, toda história contada, nos implora para que esperemos a reviravolta do 3° ato. A inesperada declaração de amor. A exceção à regra. Mas, às vezes, nos focamos tanto em achar nosso final feliz, que não aprendemos a ler os sinais. Como distinguir o que nos querem e os que não? Os que ficam e os que vão embora. Talvez, esse final feliz não inclua um homem incrível. Talvez, seja você. Por conta própria. Catando os pedaços e recomeçando. Se guardando para algo melhor no futuro. Talvez o final feliz seja apenas seguir em frente. Talvez, o final feliz seja isto: passando pelas ligações não retornadas e corações partidos, por todos os erros e sinais não vistos, pela dor e vergonha. Nunca perca a esperança."


Trecho retirado do filme "Ele não está TÃO afim de você" . Eu amei isso, então espero que reflitam sobre.






quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Eu não sou certeza não .

Eu sou caso impensado. Eu sou feita de um passado que foi esquecido numa noite de ilusão. Eu sou contraditória. Estou em constante mudança e não sou nunca a certa , nem a errada. Eu sou feita de amores impossíveis e sonhos nada medíocres. Eu sou indecisa e ao mesmo tempo decidida. Eu sou a tempestade no olho do furacão, e também a calmaria. Feita de felicidade constante e a tristeza que vem num instante. Eu sou a página em branca com um borrão de tinta. Sou a onda que te puxa pro meio do mar. Eu sou feita de cada sorriso , seja ele triste ou feliz, seja ele grande ou pequeno. Sou feita de cada passo que eu dou . Eu sou o claro, mas sem dúvida , sou escuridão. Confusa até o limite. Sensível como uma rosa, forte como uma frondosa árvore. Eu sou o medo e a coragem. E não tente me entender, nem eu me entendo.

Texto: Mariana S. Cardoso.


"Não sei quem sou, nem o que sou, pois o que pensava que eu era não é o que sou. Estou me desintoxicando do que eu era para ser o que sou. Não compreendo ainda quem sou, mas estou à procura de mim."    Augusto Cury.




sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Vivemos esperando, o dia em que seremos melhores.

Tem dias que eu to assim sabe? Mais pra lá do que pra cá. Sem esperança nenhuma para uma história contar. Ouvindo música de fossa para, acredite se quiser, fazer minha auto estima aumentar. Tem dias que eu to assim sabe? Querendo fugir pro nada. Onde o mundo é como um conto de fada, muito melhor do que a realidade é. Querendo fugir pro mar, onde a minha imaginação poderia nas águas desaguar . Tem dias que eu to assim sabe ? Tentando fugir da vida, só eu e meu violão. Tentando não desistir dessa enorme trilha, pedindo pra nada ser em vão. Tentando rir pra não chorar, porque me sinto sozinha no meio da multidão. Tem dias que eu to assim sabe, escrevendo esse texto pra tentar entender, porque eu busco tanto um ar puro para espairecer.

Texto: Mariana S. Cardoso.



"Dias de paz, dias a mais, dias que não deixaremos para trás vivemos esperando o dia em que seremos melhores, melhores no amor, melhores na dor" - Jota Quest , Dias Melhores.






terça-feira, 8 de setembro de 2009

Remember the good things.

Não fique muito surpreso se você se sacrificar para fazer alguma coisa e ninguém valorizar. As vezes as coisas são assim. Você faz muito para não receber nada, ou quase nada. Vai se acostumando. Ou não. Não temos que nos acostumar com coisas que não achamos certas. Poucos são lembrados pelos seus acertos.
A maioria sempre se lembra do quanto você errou, de tudo que você fez que não funcionou, e nunca das vezes em que você acertou.
Mas não se preocupe se te chamam de emburrado só porque você ficou de cara fechada uma vez na vida. Não se preocupe se te chamam de idiota porque você foi indelicado uma vez na vida. Não se preocupe se te chamam de desocupado se você um dia deixou de fazer o que tinha que fazer para não fazer nada. Sabe porque? Porque a maioria das pessoas que só enxergam seus erros não sabem de metade das coisas que acontecem contigo. Porque quando algumas pessoas crescem, esquecem que um dia estiveram no nosso lugar e que um dia se importaram com coisas de que hoje em dia elas não se importam. Alguns adultos, muitas vezes, acham que já nasceram adultos, e que não tiveram problemas na adolescência. E, as vezes , as pessoas que te 'rotulam' de emburrado, idiota ou qualquer outra coisa, são sempre emburrados e idiotas.
É incrível a falta de capacidade das pessoas olharem pro seu próprio umbigo antes de falar dos outros.


"Os adultos nunca entendem nada sozinhos e as crianças cansam de ter que explicar tudo a eles." - O Pequeno Príncipe , Antoine de Saint-Exupéry

"Entre as coisas de que me lembro, há uma que mais me entristece. Quando acerto ninguém lembra, quando erro ninguém esquece." - Allan Petermann


Texto: Mariana S. Cardoso

sábado, 5 de setembro de 2009

Avenida dos Sonhos Quebrados

Então você passa sua juventude inteira fazendo planos. Aterrado no seu mundinho, se esquecendo da realidade. O tempo vai passando e você idealizando sua vida perfeita, com a casa perfeita, o amor da sua vida, que também será perfeito, com seus filhos perfeitos, e nenhum problema. Então você quer que tudo seja importante, que você tenha amigos para contar suas novidades, que você tenha dinheiro pra torrar em futilidade, que você viaje muito, e que seu emprego seja os dos sonhos. Então os anos se passam e você se pergunta o que deu errado. Porque você mora num cubículo alugado, foi enganada por vários supostos amores da sua vida, e por isso não tem filhos ainda? Porque você encontrou amigos falsos e os poucos que você tem estão seguindo com a vida, porque você mal tem dinheiro pro aluguel, e porque está num emprego miserável? E então se passa mais alguns anos e você está andando sozinho. Agora que a vida te puxou de volta pra realidade, você começa a perceber que enquanto você fazia planos, sua vida passava , e ao invés de você plantar as sementes no presente para que sua vida fosse melhor no futuro, você resolveu esquecer que as horas passavam e começou a achar que plantando suas sementes no depois, tudo ia ser melhor. E esqueceu que o terreno do futuro é muito incerto para que você só viva em função dele. Ai você descobre que para que o amanhã seja melhor, tem que fazer o hoje ter valido a pena. Então com suas ambições destruídas, sua nova casa será na Avenida dos Sonhos Quebrados.

Texto: Mariana S. Cardoso







sábado, 29 de agosto de 2009

O Dom de Ter Um Amigo

"Se lembra quando a gente chegou um dia a acreditar, que tudo era pra sempre, sem saber, que o pra sempre, sempre acaba... Mas nada vai conseguir mudar o que ficou." - Renato Russo.


Ultimamente eu só tenho escrito sobre meus amigos. A inspiração vem do coração, e quando o coração está focado em algo, suas artes vão estar focadas naquilo também. A gente tem que escutar o coração e deixar que ele se manifeste. Então:


Como é bom você acordar e saber que as pessoas com quem você convive e ama estão acordando também, respirando o mesmo ar que você e daqui a pouco vocês vão estar juntas. É tão bom ter amigos não é? Alguém já parou para pensar que os seus amigos são seu tesouro? São teu refúgio ? E que vocês podem brigar, se xingar e se matar, mas não podem deixar o orgulho falar mais alto, algum de vocês tem que pedir perdão porque o rancor só machuca o coração, e essa pessoa é muito especial para você perder por uma coisa boba. Alguém parou para pensar que uma pessoa sem amigos é totalmente infeliz e não sabe ver as coisas boas da vida? E olha que são muitas as pessoas que não tem nenhum amigo. Então quando você ver aquela pessoa q
uietinha, um pouco assustada , num primeiro dia de aula, fale com ela, pode ser a pessoa mais importante pra você depois de um tempo. Se alguém nunca parou para pensar que um abraço e um beijo na bochecha por dia não são nenhuma demonstração de amizade comparado ao que você sente, pare pra pensar agora. Porque cada gesto de amizade faz diferença, e quando você não puder sentir um abraço apertado das suas melhores amigas TODOS os dias, vocês vão se arrepender de não terem feito antes. A gente tem que dar valor
a cada segundo com aquelas pessoas, que são seu diário, seu porto seguro, seu próprio coração, suas melhores amigas na vida.


Texto by: Mariana S. Cardoso :D


Dedicado à: Mariana Roussoulieres, Gisele Rani, Leticia Castro, Ludmylla Tavares (que convivem comigo s2), as melhores ever. E aos alunos da 8ª A do colégio Elza Miguel no interior de São Paulo que admiram meus textos, muito obrigada ;D vocês são demais .







quarta-feira, 26 de agosto de 2009

'cause every hello ends with a goodbye

Não adianta. A gente tem que aprender ! A vida é um eterno adeus. É muito ruim dizer adeus? Sim. Ainda mais se é para as pessoas que amamos. Eu estou tentando me conformar, ah sim, estou. Aquelas noites mal dormidas, aqueles abraços a cada cinco segundos, aqueles "eu te amo" sempre que as vozes silenciam, tudo isso tem motivo. É o medo. Medo de não ter demonstrado tudo que eu queria demonstrar nesses anos. Medo de não terem entendido o quando eu os amo, o quanto eu os valorizo, e o quanto eu preciso deles. Crescer dói, e qualquer um que afirmar o contrário estará mentindo. Quero parar no tempo, quero congelar o relógio , porque não pode passar tudo em câmera lenta? Mas ai você vê que o quanto mais você quer que passe devagar, passa mais rápido. Ok ok, ninguém vai ir pra não voltar, mas e a rotina? Os horários vão ficar cada vez mais apertados, o futuro vai chegar e a gente vai ter que começar a entrar no ritmo da vida de adulto. Ah sim, somos novos, conheceremos outras pessoas que vão se tornar tão especiais quanto os velhos amigos. Mas eles sempre serão nossos velhos, bons, e os melhores amigos de sempre. Cada sorriso, cada lágrima, cada gesto de palhaçada, cada gesto de emoção. Sempre gravados em nossas mentes. Ah sim, vocês são minha vida. Posso nunca ter falado cara a cara, mas o meu coração sempre disse isso para o de vocês. Aproveitem cada segundo com quem você ama, porque o tempo não para, você pisca e 3, 5, 6, 10 anos já se passaram. As vezes não precisamos de beijos na boca, de um amor proibido. Precisamos de um abraço aconchegante, de um momento especial , de uma seção de gargalhadas. Só isso . E não diga adeus ! Não importa se eu disse que a vida é um eterno Adeus. Não diga. Um "até depois" é bem melhor, porque se a amizade é verdadeira, a gente vai se encontrar de novo, cedo ou tarde.

By: Mariana S. Cardoso.

"Never say goodbye, because goodbye means going away, and going away means forgetting.- Peter Pan"
(Nunca diga adeus, porque 'adeus' significa 'ir embora', e ir embora significa 'se esquecer' - peter pan)






segunda-feira, 24 de agosto de 2009

all you need is love, love, love is all you need

Como assim você foi embora e não voltou? E como faz pra acabar com essa dor? Nada significou pra você? Promessas de amizade verdadeira, de amizade duradoura , foram só promessas feitas aos quatro ventos? E o meu coração ? Machucado e confuso desse jeito esquisito. E se eu queria mais que uma amizade ? E se eu sentisse mais que um carinho de colega? Como fica? E se eu te dissesse tudo que eu queria? Você ia se assustar? Fugir? Mas espera, você não está aqui. Porque você sumiu? Cansou? Já sei, responsabilidade demais? E a frase "tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas" não te diz nada? Como assim você foi embora e não voltou? Não tem motivos pra voltar? Pois eu te dou um ótimo motivo: o amor. O amor que eu não sei se sinto. E o meu coração ? Que martela dentro de mim cada vez que parece que você está comigo ? E porque você não volta pra mim? Não entendo o porque, me explica?
"cause in your eyes I'd like to stay."

Texto por: Mariana S. Cardoso



domingo, 16 de agosto de 2009

Is Not Magic?

Não é mágico saber que em meio de tanta guerra, tanta desigualdade, tanta maldade, ainda há pessoas que valorizam a vida? Que em meio da vida dura, há pessoas que ainda sorriem ao ver os outros sorrirem. Que tratam seus iguais realmente como seus iguais. Que no meio de tanta tristeza ainda tem uma chama de alegria. Em meio de tanta dor e lágrimas de tristeza, ainda há pessoas sensíveis o bastante para se emocionar com uma história ou música ? Que ainda existe esperança nesse mundo de desesperança. Nunca desista da sua felicidade, porque ela pode vir quando se menos espera. E nunca pense que uma pessoa pode ser inferior a você, porque isso te faz inferior a todas as outras pessoas.

By: Mariana Cardoso

sábado, 25 de julho de 2009

Preguiça

Hello everybody, eu to com muita preguiça, por isso não tenho atualizado o blog. Galere, vocês bem que podiam fazer marketing do blog né ? heein hein ? haha. Bom, eu to com um frio danado... atoooron. Enfim, quando eu tiver com a criatividade a flor da pele, eu escrevos os meus textos "filosóficos" -filosofiadebotequimnãohein- . Well, to indo, adios mis amigos.

domingo, 5 de julho de 2009

Soltem Minha Mão

Chega um dia que você tem vontade de crescer. Porque a vida adulta parece tão livre? Talvez seja a cobiça pela independência crescendo dentro da gente. Um dia, você olha pela janela, e deseja estar em outro lugar. Sabe, fazendo coisas diferentes, viajando, conhecendo pessoas legais. Da vontade de crescer pelo simples fato de querer se mexer. Querer ficar ocupada, e reclamar de tantas coisas pra fazer. Se cansar da mesma rotina , jogar tudo pro alto e poder fugir. É... pena que as coisas não são assim. Pena que você vai começar de baixo, que você não vai ter dinheiro pro aluguel do seu apartamento, que você vai chorar por não ter tempo de ficar com os amigos. É mesmo uma pena saber que as coisas não são perfeitas. É tão cobiçado aquilo que chamamos de ser dona do nosso próprio nariz. Sei que vai ser difícil, sei que se eu sonhar muito alto a queda vai me machucar. Mas não tenho medo da dor. Gosto de pensar na minha luta. Gosto de pensar em como vai ser difícil, porque assim já vou me preparando desde agora. Quero que soltem minha mão pra eu poder voar. Preciso que soltem. Porque me ensinaram a fazer as escolhas certas na vida. Mesmo que não exista o certo e o errado. Vou sentir saudade das minhas bonecas. Mas o meu maior desafio, vai ser curar a dor de ver um amigo ir pelo outro caminho, senão pelo meu.


Por: Mariana Cardoso

domingo, 14 de junho de 2009

Dúvidas .

O que eu não entendo na vida, é que passamos a maior parte dela sabendo que ela passa muito rápido, mas mesmo assim a desperdiçamos. Não entendo como alguém pode pegar o coração de outro alguém e simplesmente brincar com ele e com o que tem dentro, como se fosse uma caixa cheia de tralhas. Queria saber porque passamos a maioria dos momentos da nossa vida reclamando das coisas que não deram certo, sem ao menos olharmos pra tudo que realizamos, e tudo que deu certo. Gostaria de entender o porque todo mundo busca sucesso achando que só tendo um saldo bancário gordo e uma coleção de carros importados que só assim chegarão no topo da vida. Queria entender o porque das pessoas terem cinco sentidos, e não os usarem corretamente. Porque tem pessoas que acreditam que são o centro do mundo ? Porque dizem que estamos evoluindo sendo que metade do mundo chora porque não tem uma casa decente , e comida pra se alimentar, enquanto outra chora porque não ganhou os sapatos de marca que queriam? Exijo saber o porque de tanta ignorância, de tanto ódio, de tanta irracionalidade se nós somos o topo da cadeia alimentar. Onde encontraremos motivos para ter orgulho de sermos humanos? 'Tá ai uma pergunta que eu sei, ou acho que sei responder. Eu tenho orgulho de ser humana, porque a maior parte dos que se dizem humanos, não chegam perto de ser animais, são desumanos.


By: Mariana Cardoso.





sexta-feira, 29 de maio de 2009

Risque o que já fez.

Passo esse meme pra quem quiser fazer, e postar no seu blog. Eu peguei no 'Just Lia'.

1. Criou seu próprio blog.

2. Dormiu sob as estrelas.
3. Tocou numa banda.
4. Visitou o Havaí.
5. Viu uma chuva de meteoros.
6. Doou mais do que podia pra caridade.
7. Foi para a Disneylândia.
8. Escalou uma montanha.
9. Segurou um louva-deus.

10.
Cantou solo. (karaokê SAHSUA)
11. Pulou de bungee jump.
12. Visitou Paris.
13. Viu uma tempestade de raios no mar.

14.
Aprendeu uma forma de arte sozinho.
15. Adotou uma criança.
16.
Teve infecção alimentar. (não foi séria, mas eu fiquei cheia de pintinha vermelha)
17. Visitou a Estátua da Liberdade ou o Cristo Redentor.
18.
Cultivou seus próprios vegetais.
19. Viu a Monalisa na França.
20. Dormiu num trem-leito.
21.
Participou de uma luta de travesseiros.
22. Viajou pedindo carona.
23.
Faltou por estar doente quando não estava.
24. Construiu um forte de neve.
25. Segurou um carneiro.

26. Mergulhou pelado.

27. Correu uma maratona.
28. Se escondeu em uma gôndola em Veneza.
29. Viu um eclipse total.
30.
Viu o nascer e o pôr-do-sol.
31. Fez um home-run.
32. Esteve em um cruzeiro.
33. Viu as Niagara Falls ao vivo.
34.
Visitou o lugar onde seus ancestrais nasceram.
35. Viu uma comunidade Amish.
36. Aprendeu uma língua nova sozinha.
37.
Teve dinheiro o bastante pra ficar realmente satisfeito.
38. Viu a Torre Inclinada de Pisa.
39.
Escalou nas rochas. (não especificou o tamanho..)
40. Viu “David” de Michelangelo.

41. Cantou karaokê.

42. Viu um géiser em erupção.
43. Pagou uma refeição para um estranho.
44. Visitou a África
45. Andou na praia à luz da lua.
46. Foi transportado por uma ambulância.
47.
Teve um retrato seu pintado. (desenharam..)
48. Pescou no alto-mar.
49. Viu a Capela Sistina.
50. Esteve no topo da Torre Eiffel em Paris.
51. Mergulhou ou fez snorkel.
52. Beijou na chuva.
53.
Brincou na lama.
54. Foi à um cinema drive-in.
55.
Foi ao cinema.
56. Visitou a Muralha da China.
57.
Abriu seu próprio negócio. (eu já vendi uma porção de coisa u-u)
58. Teve aula de artes marciais.

59. Visitou a Rússia.
60. Trabalhou em uma cozinha do sopão.
61. Vendeu biscoitos de escoteiras.
62. Admirou as baleias.
63. Ganhou flores sem motivo.
64. Doou sangue.
65. Pulou de pára-quedas.

66. Visitou um campo de concentração nazista.
67. Teve um cheque devolvido.
69.
Salvou um brinquedo de infância.
70. Visitou o Lincoln Memorial.
71. Comeu caviar.
72. Fez um quilt.

73. Foi até Times Square. (meu soonho *O*)
74. Conheceu os Everglades.
75. Foi demitido.
76. Assistiu a mudança de guardas em Londres.
77.
Quebrou um osso. (eu rachei um osso .. quase quebro.. mas serve.)
78. Andou em uma motocicleta de corrida. (moto normal não serve? KK)
79. Viu Grand Canyon ao vivo.
80. Publicou um livro. (já escrevi.. mas não publiquei o_o)
81. Vistou o Vaticano.

82. Comprou um carro zero.
83. Andou em Jerusalém.
84.
Teve uma foto sua no jornal. (propaganda da escola D: )
85. Leu a Bíblia inteira.
86. Visitou a Casa Branca.
87. Matou e preparou um animal para comer.
88. Teve catapora.
89. Salvou a vida de alguém.
90. Participou de um júri.

91. Conheceu alguém famoso.
92. Participou de um clube do livro.
93. Perdeu um ente querido.

94. Teve um bebê.
95. Viu o Alamo ao vivo.
96. Nadou no Great Salt Lake.
97. Processou alguém ou foi processado.
98. Teve um celular.
99. Foi picado por uma abelha.
100. Foi ao Canal do Panamá.

Ainda tenho a vida inteira. "Porque a vida é muito para ser insignificante"










domingo, 24 de maio de 2009

we don't care

Nesse mundo de maldade, te dou um conselho útil. Nunca desista dos teus sonhos. Seja qual for. As pessoas, vão te deixar pra baixo. Muitas vão caçoar de você. Vão dizer que você não é capaz, que você não tem talento o bastante, ou que você não é forte o bastante. Vão te julgar pelo modo que você se veste, pela aparência que você tem, ou por qualquer coisa diferente. Mas as pessoas que fazem isso, são pessoas que não conseguiram realizar seus própios sonhos. Pessoas assim, decepcionadas com elas mesmas, com a incapacidade delas de realizarem suas aspirações, que começam a caçoar do sonho dos outros. É inveja. Então, se for para te dar mais uma dica, eu falaria: Você pode ser gordo, magro, gay, hetero, punk, hippie, ou ter qualquer coisa diferente das pessoas "xerocadas" que existem, não se importe com o que os outros falem ou façam, você é você, e se você tiver força de vontade e determinação, seus sonhos , ah , eles sim, vão se realizar.


escrito por : Mariana Cardoso.


"não me importa o que você pensa contanto que seja sobre mim, o melhor de nós pode encontrar a felicidade na decadência"
(I don't care- fall out boys)







quinta-feira, 21 de maio de 2009

I'm unwritten

Eu estou em branco, não posso ler minha mente, eu sou indefinida, estou apenas começando, a caneta está em minha mão, terminando o não planejado. Encarando a página em branco a sua frente, abra a janela suja, deixe o sol iluminar as palavras que você não pôde achar.
Tentando alcançar algo a distância, tão próximo que você quase pode provar, liberte suas inibições. Sinta a chuva na sua pele, ninguém pode senti-la por você, somente você pode deixá-la entrar, ninguém mais, ninguém mais, pode dizer as palavras em seus lábios, se molhe em palavras não ditas. Viva sua vida com braços abertos, hoje é o dia em que seu livro começa o resto ainda está em branco.
Eu quebro tradições, algumas vezes minhas tentativas, são fora dos limites, nós fomos condicionados a não cometer erros, mas eu não posso viver desse jeito. Encarando a página em branco a sua frente
abra a janela suja, deixe o sol iluminar as palavras que você não pôde achar
Tentando alcançar algo a distância, tão próximo que você quase pode provar liberte suas inibições.
Sinta a chuva na sua pele, ninguém pode senti-la por você, somente você pode deixa-la entrar
Ninguém mais, ninguém mais, pode dizer as palavras em seus lábios, se molhe em palavras não ditas
viva sua vida com braços abertos, hoje é o dia em que seu livro começa, o resto ainda está em branco.


Eu amo essa música, então... Só quero que reflitam ela.

domingo, 17 de maio de 2009

extravasa, libera e joga tudo pro ar.

Você já sentiu vontade de sumir? Sabe, quando você cansa de tudo. Quando você quer pra um lugar onde você seja desconhecida. Quando você cansa dos mesmos rostos, das mesmas risadas, das mesmas lágrimas. Quando você cansa das mesmas músicas, das mesmas roupas, da mesma rotina. Isso, rotina. Acaba comigo. Quero fugir da rotina, fugir da normalidade. Quero pegar um carro, ir pro meio do nada onde tenha uma estrada, muitas montanhas e um céu estrelado. Quero o rádio do carro no último volume. Quero deitar e observar o que tem acima das nossas cabeças, e a rotina não deixa a gente perceber. Quero tomar um banho de chuva, e deixar a água me purificar. Quero gritar o mais alto que a garganta permitir. Quero cantar até doer. Quero extravasar. Quero fugir, quero cantar, quero dançar , quero me molhar, quero viver.

texto por: Mariana Cardoso.

sábado, 16 de maio de 2009

Sweet Idols

Ídolos, fãs,modinhas, posers e afins. Quantas vezes escutamos/lemos isso?
Nós somos (muitas vezes) fãs de alguma coisa. Eu por exemplo, sou fã de muita coisa. Muita coisa que dizem que é modinha. Uma coisa só é modinha se os fãs deixarem ser. Se você é fã de verdade, não vai ser modinha. Quantas pessoas eram fãs de High School Musical e hoje são é mais? Quantas pessoas saiam pelas ruas brandindo "y soy rebelde
cuando no sigo a los demás
" e hoje dizem que RBD é ridículo e que é ótimo o grupo ter terminado? Os posers que fazem algo ser modinha. Não acho HSM, RBD, Harry Potter, Mcfly, Jonas Brothers, Miley, Demi.. modinhas. Sou fã. Amo até o fim. Não sou neurótica como algumas fãs, que quando os ídolos fazem besteira, acham bonito, ou que sai feio(a) na foto, mas pra eles ele (a) tá perfeito. Sejamos sensatos. A gente idolátra demais os outros e não damos atenção suficiente para quem está do nosso lado. Para quem te protege e te ama. Eu não gosto de todas as músicas dos Jonas, nem todas do Mcfly, nem RBD ou HSM. Eu tenho meu gosto, e não é porque os outros gostam de uma coisa que eu vou ter que gostar também. É questão de sensatez. Se preocupar demais com os nossos ídolos é muita futilidade perante os problemas da nossa sociedade.

Mariana Cardoso.

terça-feira, 12 de maio de 2009

se toca .

Quando as pessoas vão se tocar? A natureza está aí, e a gente destruindo. Cara, ninguém pede pra que todos sejamos SUPER "naturebas" e tal. Só peço que tenhamos uma coisa chamada consciência. Fechamos os olhos para as coisas. "Não importa qual seja a verdade, as pessoas só ouvem o que querem" isso é fato. As pessoas simplesmente ignoram. Mas está errado, nós temos que aceitar os fatos. Ok, aceitar não é a palavra. Pois eu estaria falando sobre ver, aceitar, e não fazer nada. Então vamos mudá-la. Temos que nos mexer. Correr atrás do prejuízo. Amazônia é o pulmão do mundo e está sendo devastada. Ela não é o pulmão do mundo, ela só colabora muito para a natureza e é a casa de milhões de animais e lugar onde habita diferentes espécies de plantas. Eu sei que a gente tem problemas demais, e não sei o que. Mas esse é um dos maiores, e parece até que é impossível, mas não é. Se cada um fizer um pouquinho (não desperdiçar água, não jogar lixo no chão ...) todos vamos sobreviver. Mas as pessoas são tão egoístas e mesquinhas que acham que são indestrutíveis perto de outras pessoas. Mas não são. TODOS nós vamos "pagar o pato".

escrito por: mariana c.

domingo, 10 de maio de 2009

Dia das Mães

Era uma vez uma mulher adulta mas sempre com sua mente jovem. Imagine uma mulher guerreira tal qual uma amazona. Uma mulher que quando sorri, o mundo sorri junto. Uma mulher que não se abate por qualquer problema, que não desiste fácil. Uma mulher que não desiste dos seus sonhos. Que quando promete, cumpre. Pode até demorar, mas ela sempre cumpre. Ela não é perfeita, mas ao meu ver ela é tudo que eu preciso. Esposa carinhosa, mãe dedicada. Para mim não há mulher com mais personalidade que ela. Meio doidinha, que gosta de usar roupas meio estranhas. Mas e daí? Gosto dela assim. Era meio hippie, e um pouco mal falada quando era jovem por ter tido filha muito nova. Pergunte-me se ela ligava? Não. A vida é dela, quem cuida é ela né?
Ela é a pessoa mais carinhosa, dedicada, inteligente, sensata (entre outras coisas), que eu já tive a honra de conhecer. Tenho orgulho dela. Muito orgulho. Ela sabe, (eu espero), que sempre que ela precisar, eu vou estar lá para apoiá-la. Espero que ela também saiba que sim, eu dou a minha vida pela dela, e eu a amo mais que tudo no universo.Para mim ela é uma anja. E eu agradeço a Deus por ter me botado em sua família. Muitas pessoas passam por dificuldades e logo desistem, mas ela não. Ela é especial. Tem um algo a mais em seus olhos. Sua alma é linda, é preciosa. Ela é meu diamante. Ela deixa transparecer a pessoa grandiosa que ela é. Agora você vê... Eu nunca pensei que eu poderia ser tão sortuda, porque é essa mulher que eu posso chamar de Mãe.


texto escrito por: Mariana Cardoso
Dedicado: a minha mãe (L) minha diva.

quinta-feira, 7 de maio de 2009

confie em si mesmo

"Mas é claro que o sol vai voltar amanhã, mais uma vez, eu sei... Escuridão já vi pior ,de endoidecer gente sã ,espera que o sol já vem...Tem gente que está do mesmo lado que você mas deveria estar do lado de lá. Tem gente que machuca os outros, tem gente que não sabe amar... Tem gente enganando a gente, veja nossa vida como está, mas eu sei que um dia a gente aprende .Se você quiser alguém em quem confiar,confie em si mesmo.Quem acredita sempre alcança...
Mas é claro que o sol vai voltar amanhã, mais uma vez, eu sei... Escuridão já vi pior de endoidecer gente sã, espera que o sol já vem...
Nunca deixe que lhe digam: que não vale a pena acreditar no sonho que se tem ou que seus planos nunca vão dar certo ou que você nunca vai ser alguém...
Tem gente que machuca os outros, tem gente que não sabe amar, mas eu sei que um dia, a gente aprende. Se você quiser alguém em quem quem confiar . Confie em si mesmo! Quem acredita sempre alcança."
(Renato Russo - Mais Uma Vez)

Então, confie em si mesmo ok? Você pode . Você consegue. Quem acredita sempre alcança.
Dedicado à:
Gustavo L. Farias T.

quarta-feira, 6 de maio de 2009

changes .




“Mudanças. Nós não gostamos delas. Nós a tememos. No entanto, não conseguimos evitá-las. Ou nos adaptamos às mudanças, ou somos deixados para trás. Crescer é doloroso. Qualquer um que te disser que não, está mentindo. Mas aqui vai a verdade: às vezes, quanto mais as coisas mudam, mais elas permanecem as mesmas. E às vezes,oh, às vezes mudar é bom. Às vezes mudar é tudo”
(greys anatomy)


Minha opinião: Mudanças. Não, eu não gosto muito de mudanças. Não sei porque. Deve ser algo a ver com medo. Eu devo ter medo de mudar, porque acho que não vou me acostumar. Mas a gente se acostuma. Não podemos tentar impedir as mudanças. Quer queira ou não, mudamos.
As vezes eu escuto algo como "ah, o que aconteceu com aquela Mariana". Bom, ela cresceu. Só porque não fico mais calada quando me magoam, ou quando falam algo que eu não acho que é certo e eu dou minha opinião, quer dizer que eu to errada? Não, é a minha opinião! Bom, mudanças do corpo, mudanças na mente, mudanças no armário, mudanças de lugar. Todas são importantes. N
ão podemos ser sempre aquelas crianças, que pensam em bonecas/carrinhos, que usam as mesmas roupas, e que frequentam sempre o mesmo lugar, e não mudam de "ares". Mudanças chegam, e arrastam a gente com elas. Mas é como disse o texto acima, as vezes, mudar é tudo .

segunda-feira, 4 de maio de 2009

Be happy.

Seja mais feliz, não ligue para as opiniões alheias. Seja mais feliz, esqueça que tem gente olhando e dance como se não tivesse amanhã. Seja mais feliz, vá ao shopping com sua melhor amiga e tome um milk shake gigante. Seja mais feliz, vá a praia só para ver o sol se por. Seja mais feliz, cante o mais alto que puder, sem se importar. Seja mais feliz, não tenha vergonha de ser quem você é. Seja mais feliz, não seja normal, afinal, qual é a graça? Seja mais feliz, ria até chorar. Seja mais feliz, escute uma música triste, e chore de emoção. Seja mais feliz, escreva um poema, uma história ou um conto. Seja mais feliz, faça uma viajem para um lugar bonito. Seja mais feliz, passe mais tempo com a sua família, quando você está mal é ela que mais te apóia. Seja mais feliz, brinque com uma criança, você faz dela mais feliz. Seja mais feliz, jogue lixo no lixo. Seja mais feliz, use rosa, use azul. Seja mais feliz, cuide do seu planeta, você não vai ter outra casa. Seja mais feliz, plante uma árvore. Seja mais feliz, cuide dos animais, eles também são seres vivos. Seja mais feliz, ajude ao próximo. Seja mais feliz, coma uma barra de chocolate. Seja mais feliz, pule o carnaval. Seja mais feliz, tente algo novo. Seja mais feliz, veja um filme seja ele de amor, de ação ou de terror. Seja mais feliz, arranje um amor seja ele real ou virtual. Seja mais feliz, faça novas amizades e não se esqueça das antigas. Seja mais feliz, ajude um amigo custe a que custar. Seja mais feliz, abra um sorriso sincero para quem menos o espera. Seja mais feliz, perdoa teus inimigos, eles vão ficar furiosos com isso. Seja mais feliz, coma um pote de sorvete e depois dance bastante para queimar as calorias. Seja mais feliz, viva a vida intensamente.

texto: Mariana Cardoso

"E a vida é muito para ser insignificante."

sábado, 2 de maio de 2009

O bruxo mais sábio ,



Como fã da série de livros/filmes Harry Potter, eu sou fã de Albus Dumbledore, e acho que J.K. Rowling conseguiu criar um grande sábio.

Algumas frases que me marcaram, ditas por Dumbledore :

-
"Para uma mente bem estruturada, a morte é apenas uma aventura seguinte. "

-"
São as nossas escolhas, Harry, que revelam o que realmente somos, muito mais do que as nossas qualidades."

-
"Mas
possível encontrar a felicidade mesmo nas horas mais sombrias, se lembrar de acender a luz. "

-"É preciso muita audácia para enfrentarmos os nossos inimigos,mas igual audácia para defendermos os nossos amigos
"

-"O problema é que os seres humanos têm o condão de escolher ex
atamente aquilo que é pior para eles."

- "Cada qual acredita, que o que tem a dizer é muito mais importante do que qualquer coisa que o outro tenha a contribuir"


Certamente,
Albus Percival Wulfic Brian Dumbledore, é de uma sabedoria sem igual. Palmas para Rowling (:



quinta-feira, 30 de abril de 2009

Dona Felicidade

"Perguntei pro mar, pro mágico chinês, mas parece ninguém sabe, aonde a felicidade resolveu de vez morar "

Muita gente acha que felicidade é algo a ser obtido. Algo que pode ser comprado. Elas passam tempo demais procurando a felicidade. Se frustram por muito tempo, por não obtê-la. Mas elas não entendem. As pessoas são tão ligadas as coisas materiais, ao dinheiro, que acham que tudo se pode obter. Mas não é bem assim. Elas vão continuar procurando a felicidade, vão se achar incapazes, e vão desistir. E vão se tornar ranzinzas. Acham que a procura pela felicidade é fácil, é rápida. Mas a felicidade é algo que agente tem que buscar a cada dia. E temos que parar de procurar a felicidade, no exterior. Porque não é lá que ela mora. Seremos felizes no dia em que pararmos de procurar a felicidade como se ela fosse as chaves do carro perdidas e olharmos para dentro de nós mesmos. Então dentro de nós acharemos as cores do arco-íris, e a verdadeira felicidade.

"Até que um anjo me disse, que ela existe que é tão fácil encontrar bem lá no fundo do peito o amor é feito, é só você se entregar. e você vai ser muito feliz, é só na vida acreditar."

Texto por: Mariana Santos Cardoso.

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Should've Said No

Impulsividade. Um mal meu. Muitas vezes, estou de cabeça quente, ai vem alguém, fala uma coisa que normalmente eu diria não, mas como estou triste ou com raiva, digo sim. Depois de alguns dias eu vejo a besteira que eu fiz. Porque eu estava fora de mim para fazer qualquer escolha. Impulsividade. Um mal de muita gente. As vezes parece até reflexo. É tão rápida e irracional a resposta, que parece que não foi você que disse aquilo. Impulsividade. Um mal triste, porque além de se magoar, agente magoa outras pessoas. É horrível quando agente toma decisões sem pensar duas vezes. Eu já machuquei muita gente com a minha impulsividade. E depois me arrependo. Impulsividade. Um mal de muitos adolescentes e alguns adultos. Temos que aprender a lidar com a impulsividade. Ela envolve muitas pessoas, e por um "sim" mal dito, machucamos elas. Impulsividade. Um mal que quando percebido, a próxima frase é na maioria das vezes : "Eu devia ter dito não".

Texto construido enquanto ouvida: Should've Said No - Taylor Swift
texto por: Mariana Cardoso.

terça-feira, 28 de abril de 2009

solidariedade

“Assim como o bater das asas de uma borboleta pode provocar uma
tempestade a milhares de quilômetros de distância, qualquer lágrima derramada
por um ser humano, ainda que
ele viva do outro lado do planeta, acaba afetando todos
nós, mais cedo ou mais tarde. Eis a importância de ser solidário, ainda mais com
aqueles que estão longe de nós, porque no fim das contas todas as pessoas estão
ligadas entre si,
todos somos irmãos”. (Retirada do programa "Rebelde")

Post dedicado a Marcela, pois ela é fã dos meus textos HUHUDHSAD. Te amo, Cela *o*

domingo, 26 de abril de 2009

de adolescente para adulto

Mais um texto que eu escrevi, tá ai gente:

Para crescer necessitamos de coragem, de bravura, de luta. Precisamos ser fortes para aguentar a pressão de ser adolescente. Ter que decidir o que você vai passar a maior parte da sua vida fazendo, resistir as tristezas de ver seus amigos saindo de perto de você, brigas com a família, namorados, a escola, você se importa mais com a opinião dos outros (mas isso é besteira, uma hora você aprende a se amar, sempre.), você fica em crise. Isso é crescer. É aprender por meio das dificuldades que a vida te proporciona.(apesar de que, pessoas inteligentes aprendem com seus erros, mas pessoas sábias aprendem com os erros dos outros.) Em toda sua vida você vai passar por dificuldades. Você só não pode desistir. Crescer, aprender, viver. Sempre. Caiu? Levanta com a cabeça erguida. Tá no topo? Não se esqueça das pessoas que te ajudaram quando você tava no chão.
Crescer dói.
Crescer é difícil. Mas você não vai querer ser infantil e dependente.
Eu não quero. B
usque sempre evoluir. Busque ser independente. Chore, ria, cante, dance, estude, beije. cresça. Você não é indestrutível, você vai cair sempre, mas o importante é levantar. Então, para as pessoas que acham que crescer significa fazer aniversário, eu só digo: vocês estão muito erradas.

Texto escrito por: Mariana S. Cardoso.

sábado, 25 de abril de 2009

John Lennon

"Fizeram a gente acreditar que amor mesmo, amor pra valer, só acontece uma vez, geralmente antes dos 30 anos. Não contaram pra nós que amor não é acionado, nem chega com hora marcada. Fizeram a gente acreditar que cada um de nós é a metade de uma laranja, e que a vida só ganha sentido quando encontramos a outra metade. Não contaram que já nascemos inteiros, que ninguém em nossa vida merece carregar nas costas a responsabilidade de completar o que nos falta: a gente cresce através da gente mesmo. Se estivermos em boa companhia, é só mais agradável. Fizeram a gente acreditar numa fórmula chamada "dois em um": duas pessoas pensando igual, agindo igual, que era isso que funcionava. Não nos contaram que isso tem nome: anulação. Que só sendo indivíduos com personalidade própria é que poderemos ter uma relação saudável. Fizeram a gente acreditar que casamento é obrigatório e que desejos fora de hora devem ser reprimidos.
Fizeram a gente acreditar que os bonitos e magros são mais amados, que os que transam pouco são confiáveis, e que sempre haverá um chinelo velho para um pé torto. Só não disseram que existe muito mais cabeça torta do que pé torto. Fizeram a gente acreditar que só há uma fórmula de ser feliz, a mesma para todos, e os que escapam dela estão condenados à marginalidade. Não nos contaram que estas fórmulas dão errado, frustram as pessoas, são alienantes, e que podemos tentar outras alternativas. Ah, também não contaram que ninguém vai contar isso tudo pra gente. Cada um vai ter que descobrir sozinho. E aí, quando você estiver muito apaixonado por você mesmo, vai poder ser muito feliz e se apaixonar por alguém."

Texto por : John Lennon (The Beatles)